Dia 34 - Albert Town - descanso em casa

Como a casa era bem grande, e espaço se tornou algo mais valioso do que nunca, depois desses 30 dias de casinha sobre rodas, decidimos ficar por aqui.

Falamos com as vovós e madrinhas para comemeror o dia das mães que estava acabando no Brasil. Depois ficamos brincando, cozinhando, colocando as roupas e arrumações em dia, com nosso pequenos ajudantes. 

Essa é outra coisa boa dessa convivência full time de nós 4: poder mostrar para os pequenos, de forma mais intensa, que as atividades de casa podem ser divididas por todos, independente se são meninas ou meninos. Ver o papai e a mamãe dividindo, todos os dias, as atividades de casa e poder ajudar, torna isso algo comum, que esperamos que levem pra vida e ajude a melhorar o dia a dia de nossas meninas no futuro!

A igualdade de gêneros é um das bandeiras da atual, primeira ministra daqui, da Nova Zelândia. Jacinda Arden tem 37 anos e está grávida do primeiro filho. O país acabou de declarar igualdade entre os salários pagos para jogadoras e jogadores de futebol! 

20180513_183057.jpg

Fomos passear até o rio Clutha, aqueles mesmo da trilha de bicicleta. O dia estava bem frio e nem ficamos tanto na rua.

IMG_7144.JPG
IMG_7139.JPG

Depois do almoço, ninguém quis cochilar, só a mamãe aqui, que ganhou 1 horinha de descanso! (presente de dia das mães. Rs). Mais no fim da tarde, o sol apareceu, saímos mais um pouco e eles cochilaram no carrinho. Depois que acordaram passaram o restante do dia bem agitados. Parecia que não estavam gostando de ficar em casa. Acho que desacostumaram. rs O Rafa fez um jantar bem gostoso de dia das mães atrasado, e fomos dormir.

Falando em dormir, as noites têm sido ótimas desde que chegamos. Os meninos dormem a noite toda e acordam, 08:30h, JUNTOS! O que é a melhor parte. O pequeno não acorda mais cedo, como fazia antes. Mas o momento de ir pra cama anda bem difícil. Antonio nunca quer domir, de jeito nenhum!! Arranja mil desculpas, sempre tem algo super importante pra fazer. Inventa coisas pra comer, quer água... além da fase de ciúmes em relação ao Gabriel e das decisões 100% contrárias às nossas! Parece que os 2 anos chegaram com tudo para nosso gordinho!

14/05/2018